X-Tudo SESI Cultural
Banner X-tudo Cultural

O Festival X-Tudo chega à sua 9ª edição trazendo a arte e a cultura dos Territórios e seus desdobramentos simbólicos e sociais para a toda a rede de teatros Firjan SESI do estado do Rio. De 8 agosto a 2 de setembro de 2018, o projeto apresenta uma mistura especial de música, teatro, dança, exposição, debates, cinema e atrações para o público infantil. Todas as atrações são a preços populares, R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia), ou com entrada franca.

Na música, o festival promove homenagens que misturam gerações e estilos musicais. No show “Uma sinfonia em verde e rosa”, a Orquestra Sinfônica Cesgranrio, o compositor Nelson Sargento e o rapper Criolo se reúnem para homenagear os 90 anos da escola de samba Mangueira. Em um clima mais intimista, acompanhado de violão e percussão, o rapper Rael aposta em releituras de grandes sucessos do mestre Vinicius de Moraes.

O talento da juventude das comunides também está presente no X-Tudo. Formado por cinco jovens de favelas do Rio, o grupo de dança e música Dream Team do Passinho mistura funk e break com ritmos brasileiros como frevo e samba. Outra presença marcante é a Orquestra Maré do Amanhã, que ensina música clássica a crianças e adolescentes do Complexo da Maré. Além da apresentação dos alunos, também será exibido o documentário “ContraMaré”, que conta a história do projeto social.

Ainda na música, o grupo BNegão & Seletores de Frequência apresenta o show da turnê para celebrar os 15 anos do emblemático disco “Enxugando Gelo”.

Já quem curte teatro pode conferir grandes espetáculos, como Ainda aqui, um drama da Cia Cerne que fala sobre luto, violência, repressão e Alzheimer, e Ô, Lili, da Cia Marginal, que a partir de relatos de seis presidiários, aborda a liberdade e o cotidiano de uma prisão de regime fechado.

O público também confere as belezas do cotidiano e as paisagens surpreendentes da favela através da exposição fotográfica “Olhar Complexo”, de Bruno Itan, morador do Complexo do Alemão. As artes plásticas são representadas pelo trabalho “Territórios: Locais Invisíveis”, de Bárbara Mozzer.

O Festival X-Tudo 2018 conta com a parceria do Circo Crescer e Viver, associação que une arte e transformação social, investindo no desenvolvimento de crianças, jovens e adolescentes, especialmente os de classe e comunidades populares. A união acontece através da montagem de um espetáculo inédito e de uma mostra competitiva com o objetivo de promover as artes circenses.

Isso e muito mais espera por você no Festival X-Tudo!


Sobre o festival

O Festival X-Tudo nasceu em 2010 para democratizar o acesso à cultura no estado do Rio, levando para os palcos dos Teatros Firjan SESI a diversidade cultural por meio de espetáculos de música, dança, artes plásticas, cinema, teatro, atrações para o público infantil e debates.

O projeto oferece ao público um panorama do cenário cultural da atualidade, abrindo espaço tanto para artistas já reconhecidos nacionalmente quanto para novos talentos locais. Hoje, o evento é reconhecidamente um dos grandes projetos da Firjan SESI e um dos mais atuantes no cenário artístico do estado do Rio.

Em 2018, o X-Tudo mantém sua programação ampliada para os Teatros Firjan SESI do Grande Rio e do interior do estado, além da parceria com o Circo Crescer e Viver.