Portal Sistema Firjan
menu

Notícias

Competitividade

Encontro em Três Rios reúne especialistas para debater novas tecnologias para a Construção Civil

11/11/19 18:28  -  Atualizado em  12/11/19 11:24

Três Rios receberá nos dias 19, 21 e 22 de novembro, a segunda edição do Encontro de Arquitetura, Engenharia e Construção. Dentre os temas abordados estão o emprego das novas tecnologias no segmento da construção civil, produtividade, normas de desempenho e digitalização de processos. A programação vai contar com especialistas e técnicos de todo o Brasil que trarão ampla visão sobre os impactos das inovações na Construção. As palestras são gratuitas e serão realizadas de 18h às 21h30 no auditório da Firjan SENAI em Três Rios (Av. Mário de Castro Reis, 25 – Nova Niterói). 

O evento é realizado pela Firjan em parceria com o Sindicato das Indústrias da Construção Civil de Três Rios e região (Sindicon TR), Sindicato da Indústria de Cerâmica para Construção e Olaria do Médio Vale do Paraíba (Sindicer-MVP) e a Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Três Rios (Assea). As palestras são direcionadas para construtores, arquitetos, urbanistas, engenheiros, projetistas, órgãos do poder público ligados à Construção, entre outros.

Segundo o presidente do Sindicon TR, Waldir dos Santos Júnior, o setor da Construção Civil está mudando e as exigências do consumidor cada vez maiores, por isso as empresas da cadeia produtiva devem estar atentas as novidades do mercado: “As empresas precisam acompanhar os avanços tecnológicos no setor. Há novas regras e exigências de mercado e, as empresas devem se adequar para competirem num espaço cada vez com concorrido”, destaca.

Uma das principais mudanças na forma com que se faz obras é o uso da tecnologia BIM (Building Information Modeling), que tem como base a modelagem virtual de projetos. A ferramenta é capaz de integrar diversas informações e permite uma visualização tridimensional da obra, tornando sua exposição muito mais fácil de ser idealizada. O tema será um dos assuntos debatidos na programação no primeiro dia do evento, assim como a Norma de Desempenho, que afeta toda a cadeia produtiva da Construção Civil.

No segundo dia, a programação será voltada aos debates sobre a produtividade na construção em alvenaria estrutural, paredes de concreto e uso da Realidade Aumentada (RA) em projetos arquitetônicos que permite a interação com o modelo projetado no local da construção e em escala real. Esta facilidade melhora o entendimento do que será construído, otimizando ainda mais aspectos como dimensão e compatibilidade. As apresentações de projetos sustentáveis em saneamento, rodovias e ferrovias encerram a programação na sexta-feira (22).

“As plataformas digitais têm se apresentado como grandes aliadas na hora da construção, já que permitem o processo de construção inteligente e integrado, mais rápido e com menos custos. Algumas empresas ainda carecem dessas informações e, por isso, é importante disseminar esses conteúdos na região”, afirma o empresário.

Para ele, o e evento ainda servirá como estímulo ao networking e a realização de negócios: “Empresários da Construção Civil estão mais otimistas quanto ao reaquecimento do setor. Esperamos que este sentimento positivo incentive parcerias e novos negócios para a retomada de obras e investimentos na região”, destaca o presidente.

 
Para Empresas
Competitividade Empresarial Educação Qualidade de Vida